320. Utopia linguística

Selo brasileiro comemorativo do centenário de nascimento de L. L. Zamenhof, criador do esperanto

Quando eu tinha uns 12 ou 13 anos, meu pai tinha uma avícola num bairro da Capital. Entre seus fregueses, havia uma senhora russa, muito falante, cujo português era gaguejado, mas enérgico. Sempre conversava comigo enquanto fazia suas compras no comércio do meu pai; perguntava da escola. Eu era um aluno mediano, e ela dizia: “Tem que melhorar, hem?”.

Certo dia, quando vinha a pé de algum lugar, encontrei a senhora, cujo nome nunca soube. Nessa ocasião, num tom de confidência, me disse: “Tem uma língua que será muito importante no futuro…”; “O inglês”, tentei num rompante de querer agradar. “Não; se chama esperanto.” Nunca havia ouvido falar.

Em casa, fui à enciclopédia. Estava lá: língua artificial criada pelo oftalmologista polonês Luís Lázaro Zamenhof em 1887. Uma língua inventada, quem diria. Apesar de não ter dado muita atenção, a menção à língua e a informação adicional ficaram comigo. Em 2000, fuçando num sebo, encontrei o manual “Aprenda sozinho esperanto”. Comprei-o e está comigo até hoje. Nunca me tornei um esperantista, infelizmente.

Essa língua artificial — ou auxiliar — tem por base o vocabulário de várias línguas ocidentais, regras de gramática relativamente simples e um sistema de escrita e pronúncia regular. Sua ideia principal é a aproximação dos povos através de um idioma neutro.

Fiquei contente em descobrir que houve um congresso estadual — o 6º — de esperanto em nossa região, em São Carlos, entre 12 e 14/10. Infelizmente, não pude acompanhá-lo. Também é bom saber que há presença do esperanto perto, inclusive com esperantistas araraquarenses. Quem sabe não retomo os estudos?

* * *

Publicado na Tribuna Impressa de Araraquara em 16/10/2012.

Anúncios
Deixe um comentário

1 comentário

  1. Hamilton

     /  03/11/2012

    “Quem sabe não retomo os estudos?”
    Senprobleme, Sérgio!
    Ni atendas vin!
    Jen retpaĝaroj: http://www.esperanto.org.br kaj http://www.lernu.net
    Ĝis baldaŭ!
    Hamilton

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: