316. O mais fácil

Ficar do lado “justo” ou “certo” é fácil. É igualmente fácil juntar-se ao pensamento dominante e ser mais um replicante. A ilusão que o politicamente correto cria é que cada um é um justiceiro e que tem “pensamento crítico” quando, na verdade, apenas incorpora o pensamento da massa. A grande sacada dos tempos modernos é fazer o indivíduo achar que está pensando por si quando apenas repete dogmas.

É confortável defender o que todo mundo defende, valores abstratos como “democracia”, “liberdade”, “tolerância”. Para ver como são frágeis e manipuláveis, basta pedir que um de seus “paladinos” os defina. As respostas serão de uma vacuidade e de um relativismo impressionantes.

Não é difícil — mas sim ingrato — mostrar como essas bandeiras lindas são pura mentira, construções convenientes. Ingrato porque os “paladinos” apedrejarão de volta. Eles têm licença moral de censurar. O politicamente correto é arbitrário e autoritário. Não admite crítica. Seus adeptos — independentemente da área de atuação, seja arte, cultura ou ativismo, seus nichos prediletos — sentem-se acima do bem e do mal e, logo, com poder de julgar quem não se enquadra em seus preceitos. São ditadores sem pasta. A liberdade que pregam é a subjugação da maioria, o silêncio forçado. É uma ditadura ainda pior que as institucionais, porque se instala na mente do indivíduo e controla-o de dentro.

Seus agentes têm várias faces: ativistas sociais, pedagogos, políticos. Temos de desconfiar deles, dos que insistem em “coletivo”, “bem comum”, “minorias”. Seu trabalho não passa de desinformação; são agentes do velho divide et impera.

* * *

Publicado na Tribuna Impressa de Araraquara em 5/10/2012.

Anúncios
Post seguinte
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: