303. Pizzaria Brasília

Zé Dirceu suando

Apesar do escarcéu institucional promovido pelo Supremo Tribunal Federal, grande parte dos que acompanham com algum interesse o julgamento do Mensalão não acredita em punições reais para os envolvidos. No máximo, algo simbólico.

A partir de ontem, começamos a ouvir a defesa de Zé Dirceu et caterva. O esquema financeiro de “azeitamento” da base aliada foi mostrado pelo advogado como invenção do presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson. Embora Jefferson esteja igualmente indiciado no processo e tenha sua parcela de culpa, é inegável seu mérito, em suas próprias palavras, de ter livrado o Brasil de Zé Dirceu. É uma verdade sifilítica, mas, ainda assim, é verdade.

Vimos também as rusgas entre os ministros Joaquim Barbosa e Ricardo Lewandowski, na última quinta-feira (2/8), que transformaram o recinto do STF em uma rinha de galos. Esse tipo de acontecimento é só mais um tijolo no mausoléu das instituições brasileiras, sempre desacreditadas.

Assim como as eleições presidenciais são no ano da Copa do Mundo, o Mensalão foi jogado para o período das Olimpíadas. Se foi intencional, foi também um tiro pela culatra: os jogos estavam perdendo em audiência até mesmo para o vetusto seriado mexicano “Chaves”.

Gostaria de poder acreditar em outro desfecho para o julgamento do Mensalão, já apontado como o mais importante da história do País, mas não creio que passará de um grande — outro — oba-oba. Seus réus sairão impunes e com a cabeça erguida, arrogantes e com aura de santos; arrotarão verdades e perseguirão seus detratores. O descrédito das instituições e as tramas frouxas da lei já deram o cardápio há muito tempo: pizza, meia Delúbio, meia Zé Dirceu, acompanhada pelo vinho azedo do desgosto.

* * *

Publicado na Tribuna Impressa de Araraquara em 7/8/2012.

Anúncios
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: