150. Reflexões da tarde

Hoje à tarde, enquanto ouvia algumas obras de Bach, lia o encarte do disco que trazia a sua biografia. Reparava nas datas 1710, 1709; Bach vivia em 1709, Pachelbel morrera em 1706. Por esses poucos indícios, percebe-se a existência de alta cultura instalada nas Cortes naquele período: as vidas agitadas dos compositores como regentes das orquestras da cortes, mestres-organistas de Igrejas indica a importância deles e de suas ocupações para a sociedade de então. Que fosse de baixo alcance a alta cultura, mas existia.

Penso agora na nossa dobra de mundo vicentina. Em meados do século XVIII, Pedro Taques fez a sua Nobiliarchia Paulistana, uma obra muito preocupada com linhagens e descendências dos primeiros povoadores da capitania de São Vicente. Há ainda as Memórias para a História da Capitania de São Vicente, publicadas pela Academia das Ciências de Lisboa. São os primeiros vislumbres de produção cultural no planalto, se bem que com uma função ainda pesadamente cronista, mas são Taques e Frei Gaspar os primeiros intelectuais paulistas.

No século XVII, enquanto se produziam algumas das grandes manifestações culturais da Humanidade, principalmente na Europa Germânica e na Itália, o Planalto paulista preocupava-se com sua subsistência econômica tão-somente. Não é de se esperar grandes manifestações culturais em condições tão duras de existência.

Literatura e literatos – um importante indício de cultura – só são detectáveis em São Paulo no século XIX e com o advento do Romantismo. O centro dessa mudança: a instalação da Faculdade de Direito. Ou seja, os interesses culturais ou mesmo a existência cultural (o pensamento voltado para uma produção cultural intencional) só passa a existir depois desse marco. Literatos e filósofos no planalto são personalidades novas nas nossas terras altas: não têm mais duzentos anos.

Anúncios
Post anterior
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: